5 dicas para conseguir fiadores


Fiador__foto_2.jpg

Alugar um imóvel tem sido cada vez mais difícil. Além de apresentar uma série de documentações que devem comprovar sua condição financeira favorável ao custo do aluguel do imóvel, as imobiliárias podem lhe exigir uma garantia extra antes de aprovar sua entrada no imóvel. É nesse caso que entra o fiador.


Renda três vezes maior que o valor do aluguel mais as taxas, um ou dois imóveis registrados na mesma cidade ou estado são algumas das exigências feitas ao fiador. Algumas administradoras trabalham apenas com esse tipo de garantia, principalmente se os imóveis estão localizados em cidades menores ou litorâneas.


Contudo, essa forma de garantia não se restringe apenas às imobiliárias. Em contratos realizados diretamente com o proprietário, essa exigência pode ser ainda mais recorrente, já que eles não disponibilizam de uma financiadora que lhe dá maior flexibilidade para negociar.


Conseguir o fiador pode ser um trabalho tão difícil quanto encontrar o imóvel ideal, mas separamos dicas que vão ajudá-lo a encontrar o seu (ou os seus).


Entenda as exigências

Ser fiador para alguém é uma grande responsabilidade e, por essa razão, as exigências para os fiadores são maiores do que as feitas para o inquilino. Isso acontece porque, caso algo dê errado e o impeça de pagar o imóvel, é o fiador quem tem que arcar com as despesas, além dos próprios custos.


Observar atentamente quais são as exigências e como elas podem ser flexibilizadas ajuda a melhorar a triagem para buscar, entre as pessoas que você conhece, quais se encaixam no perfil.


Procure pessoas próximas

Agora que você já sabe quais pessoas têm o perfil procurado pelo locador, um bom começo é procurar familiares e amigos próximos, que entendam a situação que você está passando. Esta proximidade pode tornar tudo mais simples. Liste as pessoas que são de sua confiança e quais delas você não se importaria de se tornar fiador, caso existisse a necessidade.


Seja sincero

Quando escolher alguém para pedir o favor, converse abertamente sobre sua situação financeira, atual e futura. Seja franco sobre o porquê da sua mudança. Explique detalhadamente as exigências da imobiliária e os motivos que o levaram a pedir para que ele fosse seu fiador. Caso tenha alguma contrapartida para oferecer, não hesite em negociar.


Não desanime

Se sua tentativa for recusada, não desanime. Tente entender a posição da pessoa e o que a levou a recusar. Não leve mágoas do ocorrido, por mais que seja complicado entender, o risco financeiro de ser fiador é grande e a pessoa tem o direito de recusar.

Envolva mesmo aqueles que não podem ajudá-lo sendo fiador, talvez eles conheçam alguém que possa fazer esse favor. Duas pessoas ou mais procurando aumentarão suas chances de encontrar.


Negocie

Se você não conseguiu exatamente o perfil que a imobiliária exige, negocie.


Lembre-se de que a imobiliária, ainda que seja uma empresa, é feita por pessoas. Converse sobre o seu caso com o responsável pelo imóvel, explique sua situação e as garantias que você e o fiador podem dar. Se estiver negociando com o proprietário, melhor ainda. Em uma boa conversa pode ser encontrada uma nova solução para aquela exigência complicada.


Com as dicas acima será mais fácil encontrar um ou mais fiadores para que tudo dê certo com as negociações. E você, tem alguma outra dica para conseguir fiadores? Fale conosco!


Fonte:

http://saberimobiliario.blogspot.com.br/2012/08/locatario-e-uso-das-areas-sociais-do.html

Gostou da matéria? Clique aqui e faça sua Avaliação. Ajude outros locatários!

Posts Destacados 
Posts Recentes 
Siga nos
  • Wix Facebook page
  • Wix Twitter page
  • Wix Google+ page
Procure por Tags