Mediação de conflitos: resolva os problemas com vizinhos ainda no início


Brigas com vizinhos são comuns desde que o mundo é mundo. É a velha história: o direito de um termina quando começa o do outro. O problema é estabelecer esses limites e conseguir equilibrar a balança quando os dois acham que têm mais direitos do que deveres. É o cachorro que faz as suas necessidades na porta da casa do outro ou o som que está excessivamente alto para um, porém para o outro o volume está completamente adequado.


Quando acionar a justiça

O problema com brigas entre vizinhos é que costumam se arrastar por meses e meses e quando finalmente resolvem entrar na justiça para resolver o problema é porque já não suportam mais. Além disso, como se trata da localização do imóvel ninguém pretende deixar a sua casa, própria ou alugada, porque o outro está incomodando. Continuar na casa e resolver os conflitos para que ambos possam chegar a um acordo e conviver com respeito é o papel do mediador antes de iniciar um processo. ​​


Utilizar a justiça comum é uma das alternativas para resolver o conflito, que deve ser a última opção. O processo pode rolar por mais de 10 anos e você terá que pagar um dinheiro alto por advogado, entre outros papéis, além de ficar por todo esse tempo todo numa situação constrangedora com a pessoa que mora ao lado.


Mediador: uma alternativa

Antes de entrar na justiça a melhor alternativa é optar por um mediador. Antes de iniciar o processo é perguntado para as partes se eles desejam uma mediação antes de abrir a ação. O mediador não oferece uma solução antes de conversar com as partes e tentar entender o que está ferindo o direito de cada um e quais os sentimentos que estão envolvidos naquela situação.


Viver em sociedade pode não ser uma tarefa fácil, mas tem que ser feita. O melhor é tentar evitar o conflito ao máximo. O problema é que a situação chega a um ponto que fica impossível de tolerar e a única solução é entrar com uma ação na justiça. Qualquer pessoa com um curso de capacitação adequado pode ser um mediador. Ele tem uma grande responsabilidade e o seu trabalho é escutar as partes e fazê-las refletir, tentando com que uma se coloque no lugar da outra.


Como funciona a mediação

A mediação funciona de uma forma simples e rápida. Primeiro, deve haver a aceitação das partes para participar da mediação, depois o mediador vai ouvir cada uma delas e, em seguida, ajuda para essas pessoas consigam chegar em alternativas nas quais as duas partes saiam ganhando com o acordo. O mediador nunca impõe uma solução, ele ajuda através de uma conversa para que os vizinhos consigam chegar a um acordo. Finalmente, este acordo será escrito e terá igual valor à decisão de um juiz.


Achar um mediador não é difícil. Muitas vezes, os próprios advogados sugerem que isso seja feito antes de entrar com uma ação na justiça. Hoje é possível encontrar os serviços de Mediação Condominial onde você encontrará uma equipe de mediadores especializados em conflitos que ocorrem entre síndicos gestores e condôminos. Quando o próprio síndico tenta atuar como mediador é bem provável que ele acabe sendo acusado de favorecimento por amizades. Com a escolha de uma terceira pessoa especializada nesse tipo de conflito, é possível ter uma resolução imparcial.


Ter um profissional que possui a técnica necessária para tratar esse tipo de conflito é essencial para obter bons resultados. A Mediação Condominial é um serviço privado, de baixo custo e completamente confidencial. É uma ferramenta bastante produtiva e que poderá evitar conflitos futuros entre as mesmas pessoas levando-as a um diálogo no qual as partes possam reconhecer os seus direitos e deveres e tentar chegar a uma solução definitiva e sem desavenças.


Fonte:

http://www.mediacaonline.com/#!Media%C3%A7%C3%A3o-de-conflitos-resolva-os-problemas-com-vizinhos-ainda-no-in%C3%ADcio/cz9e/55775beb0cf293eac807fec3


Gostou da matéria? Clique aqui e faça sua Avaliação. Ajude outros locatários!

Posts Destacados 
Posts Recentes 
Siga nos
  • Wix Facebook page
  • Wix Twitter page
  • Wix Google+ page
Procure por Tags